Amoxicilina: Para que serve? Como tomar? Contra Indicações e Efeitos Colaterais

Certamente você já ouviu falar da amoxicilina, pois é o medicamento mais receitado pelos médicos para tratar infecções em todo o corpo, como: Amigdalite, faringite, infecções nos ouvidos, vaginite, sinusite, infecções urinárias e também respiratórias.

A amoxicilina é um antibiótico que possui inúmeros nomes comerciais, é comercializada em farmácias do mundo inteiro, mas no Brasil, só pode ser vendida com receita médica.  A posologia do medicamento pode variar de 250 a 500 mg em comprimidos, mas também tem a suspensão oral de 125, 250 e 500 mg.

Como tomar a amoxicilina?

Amoxicilina: Para que serve? Como tomar? Contra Indicações e Efeitos Colaterais

A posologia é indicada pelo médico de acordo com o tipo da infecção diagnosticada. O medicamento pode ser encontrado na versão comprimidos e também xarope, mais utilizado em crianças.

A bula traz as seguintes informações sobre como tomar a amoxicilina:

Adultos e idosos:

Dose de amoxicilina de 250 mg de 8 em 8 horas. Para infecções mais graves, pode ser indicado o medicamento de 500 mg. Mas, somente um médico poderá orientar de forma mais efetiva.

Crianças até 10 anos de idade:

Geralmente, nesses casos, a dose recomendada é de 125 mg de 8 em 8 horas. A dosagem poderá ser aumentada pelo médico, conforme a necessidade.

A amoxicilina também é usada para tratar a gonorréia, nesse caso, a dose é única sendo necessário ingerir cerca de 3 gramas do medicamento ( equivalente a 6 comprimidos de 500 mg).

Somente o médico poderá prescrever a dose correta de amoxicilina. O medicamento não pode ser mastigado.

Principais indicações da amoxicilina

A Amoxicilina pertence ao grupo dos antibióticos penicilânico e geralmente é uma das primeiras opções no tratamento de:

Conforme já mencionado, a amoxicilina é vendida em posologias de 125, 250 e 500 mg. No entanto, além de ser comercializada de forma isolada, ela também pode ser encontrada em conjunto com o “clavulanato de potássio” em outras posologias, um componente que potencializa o efeito antibacteriano da amoxicilina.

A junção da amoxicilina com o clavulanato é usada em infecções mais resistentes.

Contra indicações da amoxicilina

A amoxicilina não é um medicamento que pode ser usado por longos períodos, o médico só faz essa indicação quando não há outra possibilidade de tratamento.

Geralmente, o tratamento com amoxicilina é feito por 7 à 14 dias.

O medicamento é contra indicado para:

  • Pessoas que possuem algum problema renal, nesse caso, o médico precisa fazer um ajuste das doses e acompanhar o tratamento;
  • Pessoas alérgicas à penicilina;
  • Pessoas hipersensíveis ao grupo de beta-lactâmicos;

O alerta maior sobre a amoxicilina é de fato em pessoas com problemas renais, nesses pacientes, o uso da medicação pode causar reações muito graves como o comprometimento dos rins.

Possíveis efeitos colaterais da amoxicilina

Amoxicilina: Para que serve? Como tomar? Contra Indicações e Efeitos Colaterais

Assim como todo medicamento, a amoxicilina também pode apresentar efeitos colaterais, os mais comuns são:

  • Diarreia;
  • Azia;
  • Má digestão;
  • Coceiras na pele;
  • Vermelhidão na pele.

Em casos mais graves, pode apresentar erupção cutânea, alterações no sono, problemas neurológicos, hemorragia, urina escura, vertigem, pele amarela. Caso  isso acontecer, informe imediatamente ao médico.

O que devo saber antes de tomar a amoxicilina?

Jamais deixe de informar ao médico se estiver grávida, amamentando ou ingerindo medicamento para tratar condições de saúde como:

  • Outros antibióticos;
  • Anticoagulantes;
  • Pílulas anticoncepcionais;
  • Alopurinol ou probenecida para gota.

A amoxicilina tem o poder de reduzir a eficácia desses medicamentos citados, por isso é essencial que o médico seja informado.

Jamais se automedique, medicamentos da classe de antibióticos só devem ser ingeridos na falta de outras opções de tratamento, pois são fármacos que podem causar inúmeras reações adversas no fígado e rins.

Quanto aplicado, o tratamento com a amoxicilina jamais deve ser interrompido por conta própria, é necessário seguir a dosagem e os horários recomendados pelo médico, mesmo que os sintomas tenham melhorado.

A interrupção de antibióticos no meio do tratamento favorece as bactérias podendo gerar micro-organismos ultra resistentes. Por outro lado, a ingestão muito prolongada dessa classe de fármaco pode provocar as mesma reações.

Em suma, antibióticos só devem ser ingeridos com orientação médica e em casos específicos, somente um especialista poderá dizer ao certo por quanto tempo a amoxicilina poderá ser administrada com base no problema apresentado.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply