Cardiologia – O que estuda? Exames, Procedimentos

A cardiologia é uma especialização da medicina que se ocupa em cuidar dos problemas relacionados ao coração (músculo cardíaco), bem como as doenças cardiovasculares relacionadas. O especialista em cardiologia, também chamado de cardiologista, diagnostica deficiências e ministra o tratamento adequado para minimizar ou sanar os sintomas.

A cardiologia é uma das áreas mais importantes da medicina. Sendo o coração fundamental para a circulação do sangue e oxigenação do corpo, o cuidado cardiológico deve ser considerado primordial para uma vida saudável.

Neste artigo, falaremos mais sobre a especialidade médica da cardiologia, bem como a atuação do cardiologista. Acompanhe a leitura.

Cardiologia

O que a cardiologia estuda?

A cardiologia se ocupa do sistema cardiovascular, que é o coração, veias e artérias. Sendo assim, o especialista em cardiologia cuida e trata de deficiências relativas a essas três áreas, fazendo diagnóstico de doenças, realizando exames clínicos e laboratoriais e, acima de tudo, corrigindo os problemas que surge, através de tratamento medicamentoso ou procedimentos cirúrgicos.

Além disso, o cardiologista também é responsável pela reabilitação de pacientes que tenham apresentado mal funcionamento do sistema cardiovascular. Sendo assim, ele trata de condições pós-operatórias.

Também é função da cardiologia orientar pacientes para as melhores práticas de saúde, a fim de otimizar o funcionamento do coração. É comum que os cardiologistas aconselhem indivíduos sobre adoção de hábitos de vida mais saudáveis, para diminuir ou eliminar os problemas cardíacos.

Exames

Existem muitos exames da área cardiológica, que são fundamentais para a detecção de problemas do sistema circulatório e cardiovascular. Os profissionais especialistas em cardiologia usam desses exames para identificar deficiências e, consequentemente, trata-las com maior eficiência.

Os principais exames cardiológicos são:

  • Radiografia do tórax: que serve para avaliar a caixa torácica e o tamanho do coração, aorta e outras veias. Além disso, esse exame também é importante para identificar problemas pulmonares que podem surgir em consequência da falha cardíaca;
  • Exame ergométrico: o estresse físico, ocasionado pelo esforço, é uma maneira do cardiologista avaliar a condição física e cardiológica do paciente;
  • Eletrocardiograma: esse exame mede o ritmo cardíaco e circulatório;
  • Holter: exame indicado para monitorar arritmias, através de um registro das funções circulatórias e do coração;
  • Ecocardiograma: o ecocardiograma é uma espécie de ultrassom do coração, mostrando como está o funcionamento do mesmo;
  • Mapa: tal qual o Holter, o mapa também registra, durante 24 horas, o funcionamento do coração. Porém, diferente do primeiro que se preocupa com as arritmias, o mapa registra a variação da pressão arterial.

Cardiologia2

Procedimentos

Detectado qual o problema do paciente, o cardiologista pode definir o método de tratamento. Os procedimentos de tratamento podem ser medicamentosos ou através de intervenção cirúrgica. Veja quais são os principais procedimentos feitos por especialistas em cardiologia:

  • Orientação sobre melhoria de hábitos de saúde;
  • Tratamento com medicamentos para o controle da pressão arterial e melhora do funcionamento do coração;
  • Cateterismo;
  • Passeio biventricular;
  • Angioplastia.

Quanto ganha um profissional da cardiologia?

O profissional cardiologista possui um salário que varia entre R$ 4000 e R$ 9000. No entanto, esses valores podem oscilar de acordo com a área em que ele atua. Por exemplo, cirurgiões costumam ganhar um pouco mais. O local onde ele atende também pode modificar esses valores.

Como se tornar um profissional da cardiologia?

O primeiro passo para se tornar um cardiologista, é se formar em medicina. Normalmente, a especialização nesta área dura cerca de dois anos e, após esse prazo, o profissional pode atuar se dedicando aos problemas relativos ao coração e sistema circulatório relacionado.

A área da cardiologia é uma das mais desenvolvidas dentro da medicina. Isso porque os investimentos são altos e a ciência vem se beneficiando da tecnologia para tornar os procedimentos cardiológicos mais eficazes.

Cardiologia3

Quando procurar um cardiologista?

O cardiologista é um dos profissionais da saúde mais requisitados. Isso porque, nos check-ups de rotina, sempre são solicitados acompanhamentos cardiológicos específicos. Por isso, é muito comum que as pessoas recorram ao especialista em cardiologia.

No entanto, é fundamental que você o procure caso esteja apresentando os seguintes sintomas:

  • Falta de ar;
  • Dores no peito;
  • Fadiga excessiva;
  • Tosse seca, sem relação à problemas alérgicos;
  • Pontas dos dedos azuladas;
  • Inchaços;
  • Tonturas;
  • Palpitações;
  • Picos de pressão arterial.

Esses são alguns sintomas de doenças cardiovasculares. Sendo assim, caso você se enquadre em alguns desses sintomas, é indicado que procure um especialista em cardiologia. Quanto mais cedo você iniciar o tratamento, mais rápida será a sua melhora. Em muitos casos, a precocidade do diagnóstico evita, inclusive, procedimentos mais invasivos.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply