Hepatologia – O que é? O que faz? Quando procurar este profissional?

A hepatologia é uma área dentro da medicina especializada em estudar e cuidar do aparelho digestivo (esôfago, fígado, estômago, vesícula, fígado, pâncreas, intestino delgado, intestino grosso e as vias biliares). O médico que que cuida dessa região do corpo humano é o Hepatologista, mais especificamente, ele cuida, das doenças que podem afetar as vias biliares e o fígado.

As causas mais comuns das doenças que atingem o fígado são causadas pelo consumo de drogas, vírus, alterações imunológicas, alterações genéticas e consumo de bebida alcoólica em excesso. Quando um desses agentes causadores de doenças hepáticas atinge o fígado ele passa por alterações que pode desencadear em doenças como hepatite, hemocromatose, tumores e esteoatose.

Para saber mais sobre o assunto leia o artigo até o final.

Hepatologia

O que analisa esse campo de estudo?

O Hepatologista tem um papel muito importante pois ele estuda doenças que afetam o aparelho digestivo, as mais comuns que o profissional dessa área trata, são:

  • Doenças relacionadas ao fígado provenientes de consumo exagerado de bebidas alcoólicas;
  • Hepatite causada por vírus, que são: hepatite A, B, C e E, sendo que a B e a C são responsáveis, em média de 80% dos casos de cancro do fígado;
  • Uso de drogas, principalmente do Paracetamol em grande quantidade;
  • Icterícia;
  • Infecções hepáticas que podem ser genéticas ou metabólicas;
  • Transplante de fígado;
  • Pancreatite;
  • Pâncreas com problemas causados por algum dos fatores citados acima.

Exames e procedimentos mais comuns nesta área

Exame de sangue: feito para identificar as taxas e o quanto o órgão está afetado;

Exame de imagem: tomografia computadorizada, ultrassonografia, elastografia e ressonância magnética. Esses exames são importantes para identificar como se encontra a disposição do fígado, se nele se encontram tumores, cistos ou alterações visíveis. Esse tipo de exame só é solicitado pelo especialista caso haja alterações no exame de sangue;

Biópsia: a biópsia é solicitada, quando nos exames anteriores apresentaram alterações significativas. Esse tipo de exame idêntica se o fígado apresenta células cancerígenas ou não.

O hepatologista também é responsável por tratar hepatites crônicas e agudas, também faz procedimentos como cirurgias do fígado e do aparelho digestivo. Ele também faz alcoolização, ablação de tumores, resseção e quando necessário realiza transplantes de fígado.

Hepatologia

Quanto ganha, em média, um profissional dessa área

O ganho de um médico profissional especializado em Hepatologia pode variar de acordo com a empresa que o mesmo atuar, ou seja: em uma empresa pequena ele pode ganhar na categoria de treinee referente à R$5.432,00 e na categoria de sênior equivalente a R$ 10.609,38. Já em uma grande empresa os salários podem variar entre R$ 9.180,08 à R$ 17,929,85.

Como tornar-se um Hepatologista?

Um médico hepatologista não é o mesmo que um gastroenterologista, uma vez que o hepatologista trata doenças hepáticas, ele é especialista nesse tipo de doença. Enquanto que o gastroenterologista é responsável por tratar doenças do aparelho digestivo.

Para se tornar um Hepatologista é preciso fazer faculdade de medicina para Gastroenterologista e depois realizar uma especialização em hepatologia, ou seja, o médico Hepatologista é um especialista formado para tratar doenças hepáticas. Essa especialização dura por volta de 1 a 2 anos de residência

Quando procurar um médico Hepatologista?

As doenças do fígado, em sua maioria, são silenciosas muitas pessoas não percebem que estão com o fígado doente, depois de anos, quando aparecem os sintomas que vão perceber que estão doentes. Portando fazer um diagnóstico precoce é fundamental para poder tratar a doença com o especialista adequado e assim poder obter melhora e qualidade de vida. Um médico hepatologista deve ser procurado quando:

  • Começar a emagrecer sem ter uma causa aparente;
  • Em casos de ficar com os olhos e a pele amarelos;
  • Quando ocorrer de as pernas e a barriga ficarem inchados;
  • Em casos de criar água na barriga (Ascite);
  • Quando o indivíduo vomitar sangue ou quando as fezes saírem na cor de borra de café;
  • Em casos de estar desorientado mentalmente ou com agressividade (Encefalopatia);
  • Quando a gengiva sangrar e sentir fraqueza.

Esses sintomas acima são apenas alguns dos quais podem ser tratados por um Hepatologista, pois ele também pode tratar câncer de fígado, que envolve também febre, dor no abdômen, náuseas e mal-estar de forma generalizada.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply