Lactase – o que é, para que serve, funciona, efeitos, suplemento

A lactase é uma enzima que está no nosso organismo e é responsável por quebrar a lactose ingerida a partir do leite e de seus derivados, fazendo com que ela se transforme em galactose e glucose. O problema é que há muitas pessoas que sofrem com uma certa deficiência em conseguir produzir essa enzima, o que faz com que surjam quadros de intolerância à lactose, cada vez mais comuns nos dias de hoje.

Para combater isso, há suplementos de lactase que ajudam os pacientes a viver sentindo menos os sintomas e os efeitos deste problema. Neste artigo vamos nos aprofundar ao que leva o organismo a ter deficiência de lactose e entender como o suplemento pode ajudar os indivíduos que sofrem deste mal.

Entenda como funciona a intolerância à lactose

Indivíduos com intolerância à lactose não conseguem consumir o açúcar presente no leite e nos seus derivados e, se o fazem, acabam sentindo os efeitos nocivos desse problema, como cólica abdominal, diarreia e retenção de líquidos e, consequentemente, inchaço. Isso porque, quando não ocorre a quebra do açúcar do leite e de seus derivados, ele chega no intestino grosso, o que faz com que se acumule na região e seja fermentado pelas bactérias que produzem ácido lático e gases.

Existem três tipos de intolerância à lactose, veja abaixo:

  • Intolerância à lactose primária: ocorre quando a pessoa envelhece, sendo muito comum nos idosos, pois, com o passar do tempo, o corpo pode passar a produzir menos lactase;
  • Intolerância à lactose secundária: quando o intestino não produz a quantidade necessária da lactase por conta de alguma doença ou mesmo de um ferimento. Exemplos de problemas que podem levar a esse quadro: gastroenterite, doença celíaca e doença de Crohn;
  • Intolerância à lactose congênita: quando o indivíduo nasce com este problema por conta da incapacidade total do seu corpo produzir a enzima. Em geral, trata-se de uma questão hereditária, passada de geração e geração.

Entre os sintomas mais comuns da intolerância à lactose temos:

  • Distensão do abdômen;
  • Cólicas intestinais;
  • Diarreias;
  • Excesso de gases (flatulência);
  • Náuseas e vômitos;
  • Assaduras;
  • Ardor anal.

Suplementação de lactase

As pessoas que possuem essa intolerância à lactose devido à deficiência na produção da lactase podem obter essa enzima por meio de comprimidos ou suplementos em pó, cápsulas ou em pastilhas mastigáveis. Esses suplementos fazem com que o organismo se reequilibre e volte a produzir essa substância tão importante para o corpo humano.

No entanto, vale ressaltar que a ingestão de suplementação não acaba de uma vez com a intolerância, apenas possibilita uma melhor ingestão do açúcar existente no leite, afastando qualquer possibilidade do aparecimento dos efeitos colaterais enquanto o remédio esteja fazendo efeito.

Cabe deixar claro que os suplementos de lactase não são medicamentos e, conforme informações dos seus fabricantes, não oferecem qualquer efeito colateral relativo à sua ingestão e podem ser ingeridos todos os dias, sem restrição. Porém, o recomendável é que se procure um médico especializado, pois ele poderá confirmar se o seu problema é esse, se não há outra intercorrência relacionada e qual tipo de tratamento é o mais indicado.

Com relação à quantidade de comprimidos a serem ingeridos por dia, tudo vai depender da enzima que o seu organismo consegue produzir e da gravidade do seu caso. Em algumas situações, a pessoa deverá precisar de três cápsulas de lactase por dia, já outros indivíduos apenas uma. O mais correto é consultar um profissional da área da saúde, que poderá investigar o seu caso e indicar a quantidade mais adequada a você.

Importante lembrar também que nem todas as pessoas com intolerância à lactose podem ingerir suplementos de lactase, como, por exemplo, hipertensos, grávidas e lactantes. Além disso, pessoas alérgicas à lactase podem sofrer com urticária, inchaço na pele, erupções cutâneas, dores no peito e dificuldades para respirar.

Uma dúvida pode surgir para as mamães: meu bebê que tem intolerância à lactose pode ingerir suplemento nutricional de lactase? Infelizmente, nenhuma das marcas fabricantes indicam a suplementação para crianças até os cinco anos de idade. No caso dos bebês recém-nascidos, o mais recomendado é procurar leites com fórmulas especiais, sem lactose, que poderão ser oferecidos como alternativa, para que seu filho ou sua filha não fique sem se alimentar.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply