Moringa oleifera – Para que serve? Benefícios e Contraindicações da Planta

A moringa oleífera é um verdadeiro pau para toda obra. De suas sementes é possível regularizar os níveis de açúcar e tratar a diabetes; de suas folhas, fazem-se remédios para colesterol alto e suplementos altamente ricos em vitaminas e minerais essenciais.

Ao longo do seu uso milenar, que se iniciou na Índia, a moringa transformou o cardápio dos samurais chineses.  Agora,  a planta ganha popularidade no ocidente devido a alta quantidade de nutrientes que cientistas descobriram ser presentes em sua fórmula.

Ao todo, foram identificados mais de 90 nutrientes e 40 antioxidantes naturais na moringa oleífera, o que a fez entrar para uma das plantas medicinais mais importantes de todo o mundo.

Com tamanha quantidade de nutrientes, sua serventia não poderia ser pouca. Veja abaixo, para que ela serve:

Para que serve a moringa

  • Previne e contribui com o tratamento de inflamações e de doenças crônicas ou autoimunes;
  • Previne doenças causadas por microrganismos de origem alimentar, a exemplo da salmonella, E. coli, Staphylococcus aureus e outros devido a ação antibactericida;
  • Combate infecções, como a provocada pelo vírus herpes simplex;
  • Trata infecções fúngicas como o aspergillus e o penicillium;
  • Complementa a dieta diária para que se obtenha todos os nutrientes, vitaminas e sais minerais necessários;
  • Trata edemas graças a sua ação anti-inflamatória;
  • Ajuda no tratamento de problemas gastrointestinais, entre eles, gastrite, prisão de ventre e colite ulcerativa;
  • Contribui para a saúde da pele, olhos, unhas e cabelos devido sua ação antioxidante;
  • Previne e trata a diabetes mellitus e a diabetes tipo 2, pois regulariza os níveis de açúcar no sangue, diminuindo a necessidade de aplicações de insulina;
  • Previne de doenças cardiovasculares;
  • Previne doenças neurodegenerativas;
  • Previne todos os tipos de câncer, devido o combate à ação dos radicais livres;
  • Fortalece os ossos por conta da alta quantidade de fósforo e cálcio;
  • Fortalece o sistema imunológico devido a alta concentração de vitamina C;
  • Mantém o bem-estar e o bom-humor por ser rica em aminoácidos essenciais;
  • Previne anemia devido à quantidade de ferro que possui;
  • Produz cosméticos anti-envelhecimento à partir de suas folhas amarelas;
  • Produz-se das sementes da moringa óleos ricos em ácido beénico usado para pinturas;
  • Produz-se fibras têxteis à partir de seu caule e tronco;
  • Com as sementes da moringa oleífera é possível fazer óleos ricos em ácido beénico, usado em pintura artística;

Propriedades da planta

Muitos desses aminoácidos não são fabricados pelo organismo e, por isso, devem ser consumidos através da alimentação. Além disso, conta com os seguintes minerais e vitaminas:

  • Cálcio;
  • Potássio;
  • Ferro;
  • Cromo;
  • Cobre;
  • Fósforo;
  • Magnésio;
  • Manganês;
  • Selênio;
  • Zinco;
  • Ômega 3;
  • Ômega 6;
  • Ômega 9;
  • Vitamina C;
  • Vitamina A;
  • Vitaminas do complexo B.

A planta se destaca não só pela variedade de nutrientes que possui, mais pelo fato de alguns deles estarem em altas concentrações.

Benefícios da Moringa Oleífera

Ao todo, os estudos demonstram que há entre 27 e 30 benefícios da moringa oleíferaDevido a alta quantidade de vitaminas e minerais essenciais ela é considerada uma das plantas medicinais mais respeitadas em todo o mundo, pode ajudar a emagrecer e tratar doenças de vários tipos. 

moringa oleífera

Contraindicações da moringa oleífera

Mesmo com tantos benéficos, a moringa oleífera também conta com contraindicações e cuidados para que não haja efeitos adversos. Veja quais são eles:

  • Contraindicado a mulheres que estejam grávidas ou amamentando;
  • Não deve ser consumido sem acompanhamento médico por pessoas que tenham problemas nos rins, pois como a planta é rica em cálcio pode aumentar o risco de cálculos renais;
  • O consumo em exagero da moringa pode levar a problemas no fígado, pois as suas substâncias antioxidantes em demasia causam lesões ao órgão;
  • Quem deseja engravidar deve evitar o uso da moringa pois pode ter efeito abortivo.

Como consumir

Além de suplemento alimentar de moringa oleífera, geralmente, encontrado em cápsulas, é possível obter as folhas da planta in natura para fazer o seu chá. No caso do suplemento, é preciso conferir as indicações de uso para identificar a dosagem diária.

Já quem prefere tomar o chá da moringa não pode beber mais de um litro por dia. Essa quantidade pode ser dividida em quatro xícaras, sendo que tudo em exagero pode fazer mal. Então, é melhor beber uma xícara por dia e, depois, suspender o uso.

A maneira de fazer o chá de moringa é pelo método de infusão, sendo preciso apenas colocar a água fervendo em um recipiente com as folhas secas da planta. O indicado é utilizar uma colher de sopa da planta para cada litro de água.

Também é possível encontrar os benefícios da moringa em pó, nas cápsulas concentrada. Os suplementos naturais são os mais recomendados, já que é fácil encontrar onde comprar e são mais fáceis de consumir de forma regular.

Caso tenha se interessado, confira mais detalhes sobre preços e onde comprar no conteúdo sobre moringa em cápsulas. 


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (7 votes, average: 2,86 out of 5)
Loading...

Leave a Reply