Queda de cabelo feminino – Alimentos, remédios e tratamentos

Apesar de assombrar as mulheres, a queda de cabelo é um processo normal de troca e renovação dos fios. O problema é quando essa perda de cabelo foge do controle, isto é, a quantidade de fios que cai ultrapassa o que é esperado. Nesse caso, a queda de cabelo é patológica e pode ter várias causas.

Uma delas é a calvície, uma condição hereditária cuja característica é a perda de cabelo e não apenas a queda dele. Esta é a principal causa da queda de fios entre homens e mulheres.

queda de cabelo

Mas também há outras que podem ter a ver com atitudes nossas do cotidiano. A deficiência de vitaminas, proteínas e minerais pode ser outro fator que afeta o cabelo. Um exemplo disso é a deficiência de ferro. Doenças no couro cabeludo como psoríase, dermatite, micose e outras podem enfraquecer os fios e provocar a queda.

Alguns remédios também podem fazer com que os fios caiam, tais como antidepressivos, anti-inflamatórios, anabolizantes, inibidores de apetite, anti-hipertensivos, anticoagulantes etc. Mulheres sensíveis às variações hormonais que tomam anticoncepcionais também podem sofrer com este problema capilar.

É possível também que ocorra uma queda acentuada de cabelo em até seis meses após o parto, sendo algo comum e tratável. Distúrbios hormonais provocados por problemas na tireoide ou pela síndrome dos ovários policísticos também afetam negativamente a saúde capilar, assim como algumas doenças, casos da hepatite, sífilis, doença de Crohn, lúpus eritematoso sistêmico, entre outras.

Como tratar a queda de cabelo feminina

Para combater a queda de cabelo há uma série de medicamentos no mercado. Outra opção, mais radical, são os microimplantes capilares. Cuidados com a alimentação também podem ajudar a evitar o problema.

No caso dos remédios, um dos mais conhecidos é o Minoxidil, que reduz a queda de fios e melhora a circulação no couro cabeludo. Já a Finasterida bloqueia a ação do DHT, agente causador da calvície. O Zymo HSOR é um remédio oral que também ataca a alopecia androgenética, permitindo que o cabelo cresça novamente.

Para mulheres que sofrem com a perda de cabelo devido a aspectos hormonais, o mais indicado é o 17 Alfa Estradiol. Há muitos outros tipos, por isso, é importante consultar um dermatologista, que irá determinar a causa da queda dos seus cabelos e poderá recomendar a melhor solução.

Alguns alimentos também são aliados do cabelo. É o caso do arroz, do feijão e das lentilhas, que possuem aminoácidos que, quando combinados, originam proteínas responsáveis por formar queratina e colágeno, que vão fortalecer os fios.  A soja, por sua vez, melhora a circulação no couro cabeludo, enquanto que o leite e seus derivados são ricos em cálcio, fazendo com que os fios não fiquem quebradiços e opacos.

É possível aplicar alguns elementos diretamente no couro cabeludo. É o caso do vinagre de maçã, que ajuda na digestão da proteína e faz com que esta seja melhor aproveitada pelo nosso organismo. Aplicar alecrim no couro cabeludo melhora rapidamente a circulação, sendo, portanto, um fator de prevenção da queda de cabelo.

Dicas para combater a queda de cabelo

Além dos tratamentos indicados acima, é importante adotar no seu dia a dia algumas dicas simples para evitar a queda de cabelo. Confira abaixo:

Lave o cabelo duas vezes por semana: mantenha seus cabelos sempre limpos. Não precisa lavar todos os dias, a não ser que seu cabelo seja muito oleoso. É recomendável lavar sempre que eles estiverem sujos.

Enxague bem: depois de aplicar o shampoo e também o condicionador, enxague bastante, retirando totalmente os produtos dos cabelos, pois isso evita que a raiz fique oleosa, impedindo a queda de fios.

Desembarace os cabelos no banho: essa é uma ação importante para evitar a perda de fios. Ao passar o creme ou condicionador, comece pelas pontas, deixando a raiz por último.

Prenda os cabelos depois de secos: é algo simples, mas vital ao seu cabelo, pois, ao prender com eles ainda úmidos ou molhados, isso pode afetar a raiz e favorecer a queda dos fios. E evite deixar o cabelo preso o dia todo, pois isso pode causar a chamada alopecia por tração, fazendo com que você perca cabelo.

Cuidado com a chapinha: objeto amado por muitas mulheres, o uso contínuo pode causar queda de cabelo, por conta do aquecimento dos fios, que podem danificar a haste capilar.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply